31 de jul de 2010

Cineminha pra variar

Olás meus queridos! Nesse sábado uma dica diferente, pra gente exercitar o cérebro e deixá-lo bonito! Afinal de contas, não somos só corpinhos e carinhas né? Então vamos lá.

A dica é "Youth in Revolt" (2009). Baseado no romance cult de mesmo nome, "Youth in Revolt" é dirigido por Miguel Arteta ("The Good Girl") e apresenta um conjunto all-star que inclui: Steve Buscemi, Ray Liotta, Justin Long, Jean Smart, Ari Graynor, Fred Willard, Zach Galifianakis, Mary Kay Place.

O filme sensacional! Com um roteiro fresco, atual e original, tem diálogos bem divertidos, inteligentes e sacaninhas.

O garoto Michael Cera (de "Juno") atua de forma brilhante e está irresistível! A novata Portia Doubleday também é bem bakana, "safada" como toda adolescente que sabe que é gostosa.

Sacanamente (se é que esta palavra existe) foi considerado como o "clube da luta" para adolescentes, entretanto não acredito que é um filme para este público, principalmente por conter diálogos que com certeza não saíriam das bocas de meninos de 15 anos. Vale a pena conferir... as risadas serão garantidas!

Sinopsezinha:

Em "Youth in Revolt", Nick Twisp (Michael Cera), um adolescente virgem, obsecado por deixar esta condição, cria uma segunda identidade para conquistar o coração de Sheeni (Portia Doubleday). Nick faz as maiores bizarrices (como explodir carros entre outras!) para alcançar as graças da garota.

Olha o link do trailler pra quem quiser ver:
http://www.youtube.com/watch?v=J_xceUThJkc

Espero que vocês gostem!

25 de jul de 2010

Novidades do salão - Especial escovas parte II



Olás queridos e queridas. Como prometi, segue a segunda parte do especial sobre escovas e técnicas de alisamento dos cabelos. Estas são as últimas tendências que os salões trazem neste inverno, tudo explicadinho para não ter dúvidas!

01 - A Escova Indiana

É a mais nova técnica que promete deixar os fios lisinhos. O melhor é que não utiliza nenhum tipo de química para tanto. É uma ótima alternativa para quem gosta dos cabelos sem volume. O processo é à base de produtos biominerais, revestindo os fios com uma película que evita o efeito arrepiado das escovas químicas. Promete ainda deixar os cabelos macios e hidratados de forma natural. Em sua fórmula se encontram 15 especiarias do Oriente, como cravo-da-índia, extrato de sândalo e amêndoas doces; tudo misturado a um aminoácido que retém umidade, chamado PCA sódico.

O efeito do alisamento dura até 30 dias, sendo que o cabelo pode ser tingido mesmo após a aplicação da escova já que a técnica não usa químicos. O processo é retirado dos fios um dia após a aplicação. A técnica é de alisamento gradativo, então a indicação é que seja feita uma vez por mês, durante pelo menos 5 meses. E garantem os especialistas: quanto mais aplicações forem feitas, maior o efeito liso.

02 - A Escova Cintilante

Outra boa tendência do inverno é a Escova Cintilante. Sua fórmula contém a queratina, a macadâmia (fruto de uma árvore de mesmo nome, originária da Austrália) e aloe vera. A promessa desta escova é um alisamento que hidrata e reconstrói fios danificados, dando brilho aos cabelos. Tem duração média de 2 meses.

03 - Maquiagem de Cabelo

A mais nova invenção dos salões é a Maquiagem de cabelo que age como um selante dos fios, eliminando pontas duplas e garantindo cabelos macios, hidratados e sem frizz. Duração média de 1 a 2 meses.

- Como tudo funciona!

Para não sobrarem dúvidas vamos a um passo-a-passo de como deve ser o procedimento das escovas por um bom salão. Fique de olho!

01 - A aplicação de um shampoo antirresíduos é indispensável para a total limpeza dos fios e couro cabeludo. O shampoo deve ser aplicado por duas vezes para garantir total higienização do cabelo. Após o enxague, é aplicado um bom condicionador.

02 - Desembaraçar os fios e partir o cabelo em quatro partes, deixando uma mecha solta na parte de trás inferior.

03 - O produto deve ser passado com um pincel largo e próprio, cerca de um centímetro da raiz. Este processo se dá em mechas médias, para garantir a aplicação em todo o cabelo, permitindo que penetre bem os fios.

04 - Quando o cabelo estiver com o aspecto de bem molhado, ele é novamente dividido em quatro partes e secado com a escova.

05 - Terminada a escova, o cabelo é novamente dividido em quatro, para a finalização com a chapinha.

06 - A chapinha deve ser passada num ângulo reto (90 graus). O processo deve ser repetido por cinco vezes para selar a cutícula dos fios.

07 - No caso das escovas que podem ser retiradas no mesmo dia, o cabelo deve esfriar para o enxague com água morna, sem usar shampoo ou condicionador.

08 - Terminado o enxaue, um creme leave-in deve ser usado para desembaraçar os fios.

09 - Novamente o cabelo é separado para ser seco com a escova. A chapinha finaliza o processo.

19 de jul de 2010

Geral no salão - Especial sobre escovas parte I


Olás queridos!

Nesta primeira parte do especial sobre técnicas de alisamento dos cabelos, vamos descobrir quais os tipos e as funções de cada uma. Veremos para que tipos de cabelos são mais indicados e uma média do tempo de duração. No final, vamos ter a receitinha que pode ser feita em casa, com o intuito de hidratar o cabelo (essa pode ser feita por quem já fez escovas, ou por quem só quer mesmo hidratar as madeixas).

Então sem mais delongas, porque essas dicas já estão sendo esperadas a um tempão! =D

OS TIPOS E AS TÉCNICAS

01 - Escova Inteligente: também conhecida por "escova francesa" ou "escova progressiva". Não possui formol, já que este produto foi proibido pela Anvisa, nem amônia. Ao invés destes ingredientes, a escova inteligente tem como princípio ativo o tioglicolato de amônia em uma porcentagem bem baixa. Em algumas versões, pode ter queratina hidrolisada e castanha-do-pará em sua fórmula, mas não é uma regra.
Sua principal qualidade é ser higiênica já que o produto não precisa ficar no cabelo por 3 dias sem lavagem. Pode ser feita em qualquer tipo de cabelo, mesmo os tingidos ou com reflexos. Têm duração média de dois a três meses.

02 - Escova de Morango: ideal para todos os tipos de cabelos, inclusive os que contém qualquer química anterior. Sua fórmula possui queratina, proteínas da seda e seiva de morangos. Assim é uma escova rica em vitamina C, que promete revitalizar, fortalecer e deixar os cabelos sem o aspecto de quebrado ou espetado. Sua duração média é de dois meses.

03 - Escova de Leite: Não é livre para todos os tipos de cabelos! As madeixas que já foram tingidas precisam passar por um teste antes da aplicação para avaliar se a tinta e a fórmula da escova são compatíveis. Sua composição leva proteínas, vitaminas e sais minerais retirados do leite, o que garante a hidratação dos fios. A duração média é de 2 a 3 meses.

04 - Escova de Cana-de-açúcar: livre para todos os tipos de cabelos, a escova de cana-de-açúcar tem uma fórmula enriquecida com aminoácidos da cana, queratina e polímeros de silicone o que garante um resultado liso e a reparação dos cabelos danificados. Promete ainda deixar os cabelos mais macios e brilhantes. Duração média de 3 meses.

05 - Escova de Chocolate: ideal para quem quer reduzir o volume dos fios, mas não é indicado para quem tem problemas como seborréia ou cabelos muito oleosos, pois a aplicação desta escova poderá agravar tais problemas. Sua fórmula possui extrato de cacau, cafeína, e tioglicolato de amônia, o que garante os fios lisos e sem volume. Duração média de 2 a 3 meses.

06 - Escova de Chocolate Branco: ótimo para cabelos claros. Sua fórmula possui proteínas da manteiga do cacau, o que resulta em menor ressecamento e perda de água dos fios. Protege contra os efeitos de altas ou baixas temperaturas, podendo portanto utilizar secadores e finalizadores para fazer penteados. Duração média de 2 a 3 meses.

07 - Escova Japonesa ou Definitiva: é a escova que deixa os cabelos lisos e que não retornarão ao formato original. É indicada para cabelos muito crespos. Esta técnica exige retoques a cada 4 ou 5 meses e sua fórmula leva o tioglicolato de amônia em quantidades maiores que nas outras escovas. Como sua fórmula é química, não permite (de jeito nenhum!) outros processos químicos nos fios, como tingimento. Duração: permanente, porém exige retoques.